Arquivo da categoria: Europa

A gente gira, gira e nunca sai de lá

As abadias trigêmeas da Provence 3 – Le Thoronet

Leia também As abadias trigêmeas da Provence 1 – Senanque As abadias trigêmeas da Provence 2 – Silvacane Anúncios

Publicado em Europa, França, Provence | 11 Comentários

As abadias trigêmeas da Provence 2 – Silvacane

Leia também As abadias trigêmeas da Provence – Senanque

Publicado em Europa, França, Provence | Marcado com , , | 3 Comentários

As abadias trigêmeas da Provence 1 – Senanque

Que diabos leva um sujeito a querer conhecer uma abadia cisterciense, quando esse mesmo sujeito não é católico, não acredita em deus, acha a igreja o ó e não tem a mínima idéia do que signifique cistersiense? Só pode ser o … Continuar lendo

Publicado em Europa, França, Provence | Marcado com , , | 18 Comentários

O dia em que Van Gogh teve uma epifania

Vincent viu aquele campo pontilhado de papoulas vermelhas e falou pra quem tava do lado: “Me segura que eu vou ter um troço!”. E teve. Aconteceu de novo depois. Diante da roça a perder de vista de girassóis, o troço engrossou. Uma febre … Continuar lendo

Publicado em Europa, França, Provence | Marcado com , , , , , , , , | 20 Comentários

Você já foi à Provence, nega? Não? Então vá

O mínimo de tempo para uma exploração decente da Provence, a partir do Luberon, é uma semana (ficamos  17 dias no Luberon e 10 no Var, mais ao sul). Não há hipótese de tédio. O bom do Luberon é a localização central, em relação … Continuar lendo

Publicado em Europa, França, Provence | Marcado com , , , , , | 25 Comentários

No fim do arco-íris tem um Gigondas

Eu gosto do cheiro, da cor, do sabor e do nome Gigondas. E não é por qualquer razão racional, por uma preferência resultante de algum conhecimento específico, pois nada entendo de vinhos e pra mim a maioria dos Côte du Rhone – Vacqueyras, Gigondas ou Chateauneuf … Continuar lendo

Publicado em Beber bem, Europa, França, Provence | Marcado com , , , , , , , , | 54 Comentários

Entre o Loir e a Loire

A França tem rios machos e rios fêmeas… Os rios machos, les fleuves, desaguam nos rios fêmeas, les rivières. E estas desaguam no mar. Só aí entendi que tem o Loir e a Loire. Ao menos esta foi a explicação que franceses me deram. Acho … Continuar lendo

Publicado em Europa, França, Vale do Loire | Marcado com , | 15 Comentários